Catálogo

Literatura

Camumbembe

Autor(a) : Adelice da Silveira Barros

Preço : R$ 38,00

N° de páginas : 158

N° do ISBN : 85-87635-48-4

Nos contos reunidos nesta obra, a autora detém seu olhar sobre o avesso da vida, aquele lado camumbembe que se quer esconder e dissimular, que não é o melhor nem o mais atraente, que põe a nu suas emendas e cerzidos, seus arremates e nós. Nesse avesso torpe e sofrido, encontramos neuróticos de várias estirpes e idades, meninas e mulheres degradadas e prostituídas, suicidas e assassinos, devassos de toda espécie, doentes do corpo e da alma. Vazios e perdas também comparecem, incluindo-se a questão do vácuo criativo, que estanca o trabalho do escritor – viés trabalhado em dois contos, que fazem fronteira com a literatura fantástica. Como outros contistas contemporâneos, a autora trabalha o lado escuro da sociedade, feito de mesquinharia, opressão, aviltamento e violência. Aliás, essa face negra presente todos os dias nas manchetes dos jornais, nos noticiários da televisão. Movendo-se entre esses temas, a autora alcança um resultado em que a diversidade de personagens, cenários, tempos e vozes narrativas compõem um todo equilibrado, capaz de agradar ao leitor mais exigente.

Sobre a Autora

Adelice da Silveira Barros, graduada em Pedagogia pela Universidade Federal de Goiás, iniciou sua carreira, em 1999, com o lançamento do livro de contos Salada de Capitães. Um jeito torto de vir ao mundo – premiado pela UBE-Rio de Janeiro e pela Academia Goiana de Letras e indicado para vestibulares das três universidades de Goiás no período 2003-2004 – marca uma estréia segura no gênero romance. Em 2002, publicou Prisioneiros do vento sul, contos, obra que mereceu apreciação elogiosa da crítica. Voltando ao romance, em 2003 publicou Iana sol e sombra, narrativa que dá continuidade à trajetória da personagem adolescente do seu primeiro romance. No mesmo gênero, publica Barrabás, em 2005, cujo tema, assim como no seu primeiro romance, é a busca da identidade. Membro da Academia de Letras e Artes do Extremo Sudoeste de Goiás, recebeu o Troféu Goyases da Academia Goiana de Letras em 2007. Camumbembe, coletânea de contos que tematiza os variados “avessos da vida”, recebeu premiação pela UBE do Rio de Janeiro, Troféu Henry Laus, quando ainda inédito, em 2006. A segurança com que se debruça sobre os diversos problemas de uma sociedade em franco declínio físico e moral nivela Adelice aos grandes ficcionistas da atualidade.

Comentários

Comprar

Cânone Editorial
Rua J-2, Qd 3, Lt 18, N. 60, esquina c/Rua J-5,
Setor Jaó CEP: 74.673-140 - Goiânia – GO
(62) 3204-2825 |  canonevendas@gmail.com
Edita Libre